Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Tradição e qualidade: Colégio Piracicabano completa 131 anos

Tradição e qualidade: Colégio Piracicabano completa 131 anos

Tradição e qualidade: Colégio Piracicabano completa 131 anos

Celebrações em ação de graças, gincanas esportivas e culturais, exposições, lançamentos de livro e jornal são algumas das atividades que integram a programação comemorativa dos 131 anos do Colégio Piracicabano. Os eventos tiveram início no útimo domingo, 9, na Catedral Metodista, e seguem até o próximo sábado, 15. 

O Piracicabano nasceu de um projeto pedagógico baseado na crença religiosa e, portanto, todo fundamento educacional envolve valores constitutivos do reino de Deus. "A valorização e a preservação da vida são os pilares de sustentação do projeto pedagógico", destaca Ana Glória Prates Gris da Silva, coordenadora da Pastoral Escolar e Universitária.

Desta forma, conforme a profa. Ana Glória,  as atividades desenvolvidas ao longo da semana de aniversário são educativas e visam a formação integral do aluno, tanto na construção do conhecimento quanto na aquisição de valores e atitudes.

"Ao participarem ativamente das comemorações, os estudantes estarão produzindo conhecimento por meio de trabalhos de pesquisa, como também agregando valores e vivenciando atitudes próprias do trabalho coletivo", salienta a coordenadora da Pastoral. 


PROGRAMAÇÃO


Terça-feira - 11/09

7h às 12h - Visita às instituições parceiras do Projeto Solidariedade.
19h30 - Lançamento do Livro Nono Sentido, produzido pelos alunos dos 9ºs anos do ensino fundamental, e do Jornal Pirando aos 131, produzido pelos alunos dos 1ºs anos do ensino médio.
Local - Salão Nobre do Colégio.


Sábado - 15/09

10h - Celebração em Ação de Graças pelos 131 Anos do Colégio Piracicabano e entrega do Título da Ordem do Mérito a educadores.
Local - Salão Nobre do Colégio

14h às 17h30 - Encontro com ex-alunos e alunas do colégio com jogos e roda de conversa.
Local - Pátio do Centro Cultural Martha Watts, Salão Nobre do Colégio Piracicabano e Setor Esportivo. 


HISTÓRIA

Ligado à Igreja Metodista, o Colégio Piracicabano chegou à cidade sob o sonho republicano e os anseios por uma nova civilização e modernidade. Neste contexto, que o advogado Prudente de Moraes, militante do Partido Republicano, forte liderança política na região, solicitou a vinda de missionárias norte-americanas para criar uma escola para mulheres. Assim, chegou à cidade Miss Martha Watts, em maio de 1881.

Necessitando de pessoas que a auxiliassem no trabalho no colégio, a escrava Flora Blumer foi encaminhada para Miss Martha. Além de alforriar Flora - a escrava foi contratada para trabalhar como cozinheira do colégio, aprendeu inglês e viajou com as missionárias para conhecer o exterior -, o Colégio Piracicabano foi uma das primeiras instituições de ensino a receber filhos de escravos entre os seus estudantes. 


Texto: Cristiane Bonin
Fotos: Fábio Mendes
Edição de texto/jornalista responsável: Celiana Perina
Última atualização: 11/09/2012

registrado em: