Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Piracicabano está na final da Olimpíada Nacional em História do Brasil

Piracicabano está na final da Olimpíada Nacional em História do Brasil

Piracicabano está na final da Olimpíada Nacional em História do Brasil

A equipe Nheque de Portera do Colégio Piracicabano está na etapa final da oitava Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB), organizada pelo departamento da área da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). Iniciada em maio e, após cinco etapas de testes on-line, a última acontece no próximo dia 20 com uma prova presencial na universidade. A premiação ocorre no dia seguinte à grande final.

Os alunos do 2º ano A: Kauê Alexandre Soares Gomes, Guilherme Furlan Caprânico e Matheus Nazato Ubices formam a Nheque de Porteira. Ao longo da olimpíada, eles estudaram diferentes temas e períodos da história do Brasil a partir de distintos documentos. “Eles aprofundaram os estudos em temáticas clássicas, como a história dos movimentos populares e o cangaço e, também, alguns assuntos mais raros em sala de aula, como a revolta dos Quebra-Quilos, interpretação de canções de Adoniran Barbosa, entre outros”, conta Thais Gonsales Soares, professora de história e assessora da área de ciências humanas do Piracicabano.

Para Kauê Gomes, a boa evolução da equipe é resultado do desempenho de todos os integrantes e da vontade de todo o grupo de entender os questionamentos e analisar as respostas. “A parceria com os professores Paulo (Alberto Balbino da Costa, de história) e Thais nas aulas extras e aprofundamentos também foram fundamentais”, diz o aluno.

A docente Thais explica que a participação em uma olimpíada oferece diferentes possibilidades de estudar a história do Brasil por meio e textos, documentos, imagens e mapas. “Assim, ampliamos as discussões iniciadas em sala, desafiando o aluno a pesquisar e discutir intensamente com sua equipe e professores orientadores por várias semanas, cumprindo com os prazos e a entrega das tarefas”, destaca.

A edição de 2016 da olimpíada teve 42,7 mil inscritos e entra em sua última fase com 275 equipes, com três integrantes cada. A região Nordeste é a que possui o maior número de finalistas, com 164 equipes. O Colégio Piracicabano iniciou a competição com outras cinco equipes: Cárxara De Fórfe; Deuses do Curau; Pamonhas Caseiras, Pamonhas Fresquinhas; Equipe Nóis Não é 10, é XV; e Caipiras de Pira. 

Texto: Cristiane Bonin
Edição: Celiana Perina
Fotos: banco de imagens
Última atualização: 17/08/2016