Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Iniciação científica é destaque no Colégio Piracicabano

Iniciação científica é destaque no Colégio Piracicabano

Iniciação científica é destaque no Colégio Piracicabano
Um estudo sobre a interferência do sinal de wi-fi na germinação de grãos em 2014 abriu as portas para despertar o interesse pela iniciação à pesquisa científica entre alunos do Colégio Piracicabano. O projeto Oficina de Ideias, coordenado pelo professor e assessor de tecnologia e informação, Luis Antonio Gimenes Albino, concentra os rabalhos que, em 2015, já totalizam oito estudos em diferentes áreas de ensino.
 
Tudo começou no ano passado com a pesquisa Análise dos Impactos das Redes Wi-Fi na Germinação do Feijão, contemplado com o primeiro lugar na Feira Virtual de Ciências, organizada pelo Instituto Positivo e, na sequência, finalista, no início de 2015, na Febrace (Feira Brasileira de Ciências e Engenharia), da USP (Universidade de São Paulo). O destaque na Febrace ainda rendeu a atenção do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), que concedeu bolsas de estudos ao grupo de alunos autores da pesquisa.

“Este estudo representa o início de novo modelo e estrutura para incentivar os alunos e professores no desenvolvimento de pesquisas científicas vinculadas à Oficina de Ideias”, diz o professor Luis Antonio.

Coordenado pela professora da área de ciências, Analice Campos Mourão, e pelo professor Luis Antonio, o estudo foi desenvolvido pelas alunas do 2º ano do ensino médio do Pira Ingrid Rossilho Casale, Andresa Rossilho Casale e Bianca Bacellar Rodrigues de Godoy.

Em sua segunda fase da pesquisa com os feijões, Andresa diz que o auxílio financeiro recebido via CNPq ampliará as vertentes do estudo. “Agora estamos analisando o impacto de diferentes roteadores wi-fi em diferentes tipos de terra e feijões. Também especificamos melhor as condições dos grãos, degustaremos os feijões das diferentes estações para analisar se há alguma modificação quanto ao paladar e iremos descobrir o motivo que se dá a interferência do sinal na germinação”, conta a aluna Andresa.

A primeira etapa da pesquisa confirmou deficiência no crescimento dos grãos que ficaram próximos à rede de internet. Além do auxílio do CNPq, a nova fase para 2015 conta com a parceria da coordenação do curso de química da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) por meio da professora doutora Carolina José Maria.

NOVAS PESQUISAS

Confira os títulos das outras sete pesquisas em desenvolvimento na Oficina de Ideias do Colégio Piracicabano:

Análise e História das Bicas de Água da Cidade de Piracicaba;

O Sumiço do Caipira no Município de Piracicaba;

Mosquito Transgênico (dengue), Qual a Verdadeira Realidade?

 TV Piracicabano, Notícias, Matérias e Programas da Escola;

Jogo de História: Construindo um Jogo de Tabuleiro com o Conhecimento;

Estudando Física na Desmontagem e Montagem de um Kart Cross;

Aplicação da Matemática na Arte e na Vida.


Texto: Cristiane Bonin
Fotos: Colégio Piracicabano
Edição/coordenação: Celiana Perina
Última atualização: 23/06/2015
registrado em: