Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Girassol simbolizará Páscoa no Piracicabano

Girassol simbolizará Páscoa no Piracicabano

Girassol simbolizará Páscoa no Piracicabano
A Páscoa será comemorada no Colégio Piracicabano sob o tema Vida Nova e atividades programadas pela Pastoral Escolar. A simbologia utilizada neste ano será a flor do girassol, relata a coordenadora do fundamental 1, Fátima Suzegan Rosa. “Há um novo girassol em cada semente da flor. E a pergunta que faremos aos alunos e professores é: o que você vai querer da sua vida nova”, comenta Fátima.

Buscando disseminar a reflexão por toda comunidade escolar e afastar o típico consumismo da data, o objetivo da proposta é procurar saber de que forma cada um pode ser melhor consigo e com os outros.
“Queremos cultivar a tolerância, que sejamos solidários no dia a dia, que a vida seja construída em conjunto e que possamos compartilhar. Essa é a vida nova que queremos transmitir nesta data tão importante”, diz a coordenadora do Piracicabano.

Toda essa reflexão será objeto de apresentações, realizadas pelos estudantes e professores, no dia 1º de abril, no Salão Nobre, em dois horários, às 7h e às 14h. As capelas, dos campi da Unimep (Taquaral e Centro), também reservarão horários para reflexão: às 8h10 e às 17h no Taquaral e às 17h no Centro.
“A origem da celebração da Páscoa está na história judaica relatada na Bíblia, no livro chamado Êxodo, que significa saída dos judeus do Egito. Quando Ramsés 2, rei do Egito, subiu ao trono, apavorou-se com o crescimento do povo de Israel e temeu que seu poder estivesse em risco. Teve início então uma série de ordens e obras que levaram os judeus a um período de grande sofrimento”, conta a pastora escolar, a reverenda Márcia Célia Pereira.

O desfecho da história, que poderia ser trágica, foi a salvação do povo judeu guiado por Moisés a mando de Deus. A primeira comemoração da Páscoa, conforme a bíblia, aconteceu quando a fuga do Egito teve êxito.

“Essa celebração recebeu o nome de Pessach, que em hebraico significa passagem, nesse caso da escravidão à liberdade. Daí surgiu a palavra Páscoa. Jesus Cristo deu novo significado à Páscoa, de esperança de uma vida melhor para o povo liberto dos sofrimentos e das maldades. Hoje, o Domingo de Páscoa representa uma oportunidade de fazermos uma retrospectiva em nossas vidas, e estabelecermos um ponto de recomeço, de sermos melhores, de sairmos do´Egito´”, explica a pastora escolar.

Texto: Cristiane Bonin
Fotos: banco de imagens
Coordenação/edição de texto: Celiana Perina
Última atualização: 02/04/2015
registrado em: