Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Empem celebra 67 anos de fundação em concerto comemorativo no sábado, 14

Empem celebra 67 anos de fundação em concerto comemorativo no sábado, 14

Empem celebra 67 anos de fundação em concerto comemorativo no sábado, 14

A Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle (Empem) celebra 67 anos de fundação com o Concerto Comemorativo. O evento ocorre no sábado, 14, às 19h30, na sede da Empem e tem entrada gratuita e limitada a 300 lugares. No programa, há obras de Schubert, Rachmaninoff, Tchaicovsky, C. Guarnieri, Villa-Lobos e Mahle. Também serão apresentadas sete das Melodias da Cecilia (filha de Ernst e Cidinha Mahle que, no total, produziu cerca de 1.300 melodias) com arranjos para trompa, violino, trompete, violão, contrabaixo, violoncelo e tuba. A execução das obras será feita pela musicista e fundadora da Empem, Cidinha Mahle, professores e ex-alunos da escola. Mais informações podem ser obtidas no (19) 3422-2464.

Cidinha Mahle conta o segredo da longevidade da instituição: “para nós, o Mahle e eu, foi o fato de termos, desde o início, nos dedicado com muito amor às atividades e aos alunos. No caso dele, especialmente, escrevendo para alunos e acompanhando, ao mesmo tempo, a evolução do aprendizado dos estudantes”.

Ver os 67 anos da Empem, para ela e Ernst Mahle, é uma sensação gratificante. “Não é fácil levar um projeto cultural como o da Empem atravessar todos estes anos. Dificuldades e vitórias sempre surgiram, mas estamos gratos a Deus por podermos estar aqui comemorando”, aponta.

Ela ainda destaca como o ensino musical é importante na vida dos ex-alunos, mesmo que exerçam outras profissões: “a melhora na concentração, companheirismo e a convivência mais feliz com outras pessoas é o melhor exemplo e recomendação para aprender música”.

História da Empem - A Empem foi criada em 9 de março de 1953 com o nome de Escola Livre de Música Pró-Arte de Piracicaba, uma filial da Pró-Arte de São Paulo. Foram seus fundadores, além de Cidinha e Ernst Mahle, o músico alemão e professor do casal Mahle Hans-Joachim Koellreutter, professores, médicos e pessoas ligadas à área cultural da cidade. Mahle assumiu o cargo de diretor artístico, Cidinha assumiu a administração e Koellreutter o cargo de supervisor geral. Em pouco tempo, a filial piracicabana suplantou a matriz de São Paulo em número de alunos matriculados.

Em 1998, durante a gestão do prof. Almir de Souza Maia como reitor da Unimep, a Escola de Música foi incorporada ao Instituto Educacional Piracicabano e, em homenagem ao maestro Mahle, recebeu seu nome atual, Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle. Hoje, a Empem oferece mais de 20 cursos de instrumentos clássicos e populares. Além disso, muitos ex-alunos da escola são músicos reconhecidos na região, no Brasil e no exterior.

ANOTE – Concerto Comemorativo ao 67º aniversário da Empem. Dia 14 de março, sábado, às 19h30, na Sala Dr. Mahle da Empem (Rua Santa Cruz, 1155, bairro Alto – Piracicaba/SP). Entrada gratuita. Informações: (19) 3422-2464 ou (19) 3422-6270.

 

Texto: Serjey Martins
Foto: acervo Unimep
Última atualização: 09/03/2020