Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Alunos e professores refletem sobre o significado do Dia do Coração Aquecido para a educação

Alunos e professores refletem sobre o significado do Dia do Coração Aquecido para a educação

Alunos e professores refletem sobre o significado do Dia do Coração Aquecido para a educação

As aulas de ensino religioso e as reflexões sobre os textos nas devocionais da semana, feitas nos setores pela Pastoral Escolar, estão dentre as atividades promovidas aos alunos, professores e funcionários do Colégio Piracicabano para celebrar a experiência do Coração Aquecido e refletir a importância dessa data para a educação mundial.

“Somos desafiados, ao trazer à nossa memória a experiência do Coração Aquecido e contá-las aos alunos, a deixarmos que os nossos corações estejam ardentes de amor pela missão de Deus, que é ajudar as pessoas a saírem das escravidões, das opressões, a lutarem por uma vida com dignidade e ao mesmo tempo de partilha do evangelho de Cristo, que liberta e salva. Wesley foi um jovem que, após sentir esse amor em seu coração, lutou pela libertação dos escravos na Inglaterra, o uso excessivo de álcool que destruía as famílias. Wesley levava as pessoas a buscarem a vida abundante em Cristo”, conta a pastora Márcia Célia Pereira, coordenadora da Pastoral Escolar.

PELO MUNDO

Com John Wesley, nasceu o metodismo e, com ele, a educação missionária. Foi o líder precursor do movimento metodista, John Wesley (1703-1791), que fundou em 1748, na Inglaterra, a primeira escola metodista: a Kingswood School. Desde então, os colégios, faculdades e universidades metodistas multiplicaram-se pelo mundo. A Rede Metodista de Educação, à qual o Colégio Piracicabano e a Unimep estão vinculadas, compõem atualmente um universo de mais de 700 instituições metodistas em 67 países.

A pastora Márcia detalha que a Igreja Metodista, como igreja propriamente, organizou-se primeiro nos Estados Unidos, e depois na Inglaterra (somente após a morte de Wesley no dia 2 de março de 1791). No Brasil, o metodismo chegou no ano de 1835, por meio do reverendo Fountain E. Pitts, um jovem ministro metodista de 27 anos, em missão oficial de investigação das condições aqui existentes para o estabelecimento de trabalho missionário. 

HISTÓRIA

Foi no dia 24 de maio, Dia do Coração Aquecido, que John Wesley vivenciou uma experiência significativa que teve resultados também na educação.

A pastora Márcia relata que, em 24 de maio de 1738, na rua Aldersgate, em Londres, John Wesley passou por uma experiência assim narrada em seu diário: "Cerca das 8h15, enquanto ouvia a preleção sobre a mudança que Deus opera no coração por meio da fé em Cristo, senti que meu coração ardia de maneira estranha. Senti que, em verdade, eu confiava somente em Cristo para a salvação e que uma certeza me foi dada de que Ele havia tirado meus pecados, em verdade meus, e que me havia salvo da lei do pecado e da morte. Comecei a orar com todo meu poder por aqueles que, de uma maneira especial, me haviam perseguido e insultado. Então testifiquei diante de todos os presentes o que, pela primeira vez, sentia em meu coração".

 

 

Texto: Assessoria de Comunicação Unimep
Coordenação: Celiana Perina
Fotos: divulgação
Última atualização: 23/05/2017