Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Alunos do 9º e 1º anos fazem passeio pedagógico em São Paulo

Alunos do 9º e 1º anos fazem passeio pedagógico em São Paulo

Alunos do 9º e 1º anos fazem passeio pedagógico em São Paulo

A capital paulista recebeu no dia 17 de agosto, 41 alunos do Colégio Piracicabano para um tour pedagógico. Participaram da iniciativa estudantes do 9º ano do ensino fundamental 2 e do 1º ano do ensino médio, além do grupo de intercambista do Peru - que estava no colégio -, dois professores e a orientadora educacional Lúcia Cristina Piacentini Gomes da Silva.

O grupo visitou o centro histórico de São Paulo, o Museu da Língua Portuguesa, a Pinacoteca, o Mercado Municipal, a Galeria do Rock (foto) e assistiu ao espetáculo internacional La Veritá, no Teatro Bradesco.

A coordenadora pedagógica dos ensinos fundamental 2 e médio, Joselene Rodrigues Henriques, destaca que a visita contempla diversas áreas do aprendizado. "A oportunidade é ampla e vai desde a relação aluno-aluno, a aluno-professor e interação entre níveis de ensino, relações estas que podem ser estabelecidas e fortalecidas. Também há o aprendizado que cada um dos locais nos proporciona, como conhecer um pouco da história da língua portuguesa, descobrindo suas raízes que até hoje nos influenciam", diz Joselene.

OPINIÃO - Júlia Cassa, 14, do 9º ano, conta que curtiu todos os lugares pelos quais passou. "A pinacoteca estava com uma exposição muito interessante, o Museu da Língua Portuguesa nos mostrou o quanto nosso idioma é vasto, e que nossos escritores conseguem escolher as palavras certas para fazer seus textos e poemas. A Galeria do Rock e o mercadão foram, talvez, os lugares mais divertidos, pois tivemos contato com a própria realidade. A peça La Veritá fechou bem o passeio, foi linda de se ver com todas as acrobacias e os palhaços", conta.

Thiago Felli, 16, aluno do 1º ano B do ensino médio, conta que, apesar de diferentes, os pontos que visitou e que mais gostou foram a Galeria do Rock e a Pinacoteca. "Fomos apresentados a duas realidades culturais distintas, uma voltada para a elite e a outra para a população, permitindo quebrar o padrão do que realmente é arte", destaca.


Texto:Cristiane Bonin
Fotos: banco de imagens
Edição: Celiana Perina
Última atualização: 24/09/2013

registrado em: